Link Building: O que é e como criar sua rede de links em 2021

Não se constrói uma estratégia de SEO sem pensar em Link Building. A criação de uma rede de links para as suas páginas, que venham de sites confiáveis e de qualidade, é imprescindível para aumentar sua autoridade na web e ganhar pontos com o Google.

Para posicionar as suas páginas no topo do ranking, o buscador precisa saber se pode confiar no seu site. E, para isso, analisa os links que direcionam para elas, que demonstram se você é uma referência para o mercado.

Então, vamos entender como você pode construir uma rede de links valiosa para o seu site? Entenda agora o que é Link Building, qual é a sua importância no marketing digital e as principais estratégias. Siga pelos tópicos se você preferir:

O que é Link Building?

Link Building é a estratégia de construção de uma rede de links para as páginas de um site, com o objetivo de aumentar sua autoridade na web e melhorar seu posicionamento nos resultados da busca orgânica do Google.

O Link Building é uma das principais estratégias de SEO, que consiste na otimização de páginas para conquistar melhores posições no Google e, assim, aumentar o seu tráfego orgânico.

Mais especificamente, Link Building faz parte do SEO Off Page, que se refere às otimizações feitas fora das páginas, que visam aumentar a popularidade e autoridade do site aos olhos do Google. Mas também é possível fazer Link Building no SEO On Page, que são as otimizações feitas na própria página, com a criação de links internos (entre páginas do seu site) que também fortaleçam a autoridade das páginas.

Backlinks

Quando se fala de links que vêm de fora, também chamados de backlinks, as estratégias de Link Building não estão totalmente sob controle do administrador do site. O ganho de backlinks depende da iniciativa de terceiros, que referenciam o seu site quando citam a sua marca ou quando querem compartilhar um conteúdo que você publicou.

Porém, o Link Building não é apenas passivo. Você não deve ficar só esperando que os links para o seu site apareçam — você também pode criar estratégias e estimular que outros sites e usuários criem backlinks.

Além disso, quando você trabalha o Link Building com links internos, a estratégia está totalmente sob seu controle. Você só precisa pensar estrategicamente sobre quais páginas internas você quer fortalecer e como criar uma estratégia de linkagem interna para isso.

Mais adiante, você vai ver todas as dicas de como fazer isso. Siga conosco para saber!

Por que Link Building é importante em SEO?

Link Building é essencial nas estratégias de SEO, porque mostra ao Google que você tem autoridade no mercado, que o seu site é uma referência na web e que tem um bom relacionamento com outros sites de qualidade. E, por tudo isso, merece estar nas primeiras posições dos resultados da busca.

O Google dá muita importância para as informações que os links carregam. A análise dos backlinks, aliás, foi um dos diferenciais do Google quando o buscador surgiu, já que, até então, os mecanismos de busca avaliavam apenas o conteúdo da página e a sua correspondência exata com a palavra-chave pesquisada pelo usuário.

O Google foi além. Por meio do algoritmo PageRank, o buscador passou a avaliar também as relações entre os sites para entender a relevância de uma página na web. Para o buscador, não basta uma página ser bem construída, atualizada, com bons conteúdos — para ganhar pontos no ranking, outros sites também precisam mostrar que aquela página e aquele conteúdo valem a pena.

Isso tem um grande peso para o rankeamento. A maioria das páginas se dedica ao SEO On Page, que depende apenas dos seus esforços. Já o ganho de backlinks, como dissemos, depende de terceiros e tende a dar muito mais trabalho — e o Google sabe disso. Portanto, o Link Building pode ser o seu diferencial em relação aos concorrentes.

Como o Google avalia os links para o seu site?

Quando o Google criou um algoritmo que avaliava a relevância de uma página pelos links que ela recebia, muitos sites se aproveitaram. Para se posicionar no topo, era simples: bastava inserir backlinks no máximo de páginas possível.

Só que isso abriu brecha para práticas maliciosas (chamadas de black hat). Muitos sites passaram a participar de link farms (redes em que os sites trocam links entre si) ou fazer spam em fóruns e blogs, por exemplo.

Para o Google, porém, essas práticas só serviam para aumentar o número de backlinks de uma página, mas não para melhorar a experiência do usuário, que é o seu foco.

Por isso, o algoritmo passou a avaliar não apenas a quantidade, mas também a qualidade dos links que um site recebe. Isso significa que receber backlinks de uma página com conteúdo de baixa qualidade prejudica a sua reputação; já os backlinks de sites de autoridade, relevância e confiabilidade fortalecem o seu site.

O Google segue o ditado: “diga-me com quem andas, e te direi quem és”. Se você tem boas referências, de sites que o Google confia e que já são bem posicionados, é sinal de que você também é confiável. Por outro lado, se sites duvidosos têm backlinks para o seu site, você anda com más companhias…

Portanto, Link Building não se trata de ganhar o máximo de links que você conseguir. Quantidade é importante, mas também é preciso pensar na qualidade dos links.

O que são backlinks de qualidade?

Mas o que exatamente são backlinks de qualidade para o Google? O algoritmo do buscador utiliza uma série de fatores para avaliar os links para um site, como:

  • A autoridade da página e do domínio que direciona o backlink;
  • A popularidade da página e do domínio que direciona o backlink;
  • O nicho do site que direciona o backlink (um backlink de um site do mesmo nicho que o seu site costuma ter mais força);
  • A diversidade de domínios que direciona backlinks para o site;
  • A relevância e a diversidade dos textos-âncora dos backlinks;
  • A posição do backlink na página (um backlink no conteúdo tem mais força que no rodapé do site, por exemplo);
  • O contexto do backlink na página (um backlink inserido naturalmente no texto tem mais força).

Esses fatores determinam se o backlink transmite mais ou menos link juice para a página de destino.

O que é Link Juice?

Link juice é o valor que uma página transmite à outra quando cria um link para ela. É como um voto de recomendação.

À medida que o robô do Google descobre e rastreia páginas da web por meio dos links, ele também mede o link juice que é transmitido e atribui uma pontuação às páginas, de acordo com os critérios acima.

Como funciona o Link Juice
Fonte: 5and3

Porém, durante o rastreamento, muitas vezes o Google se depara com links classificados como nofollow. Isso significa que a página de origem definiu que não quer transmitir seu link juice para a página de destino.

Esse atributo costuma ser usado em caixas de comentários em blogs e redes sociais, por exemplo, para evitar o spam de backlinks. Em algumas estratégias que vamos apresentar, o nofollow também pode ser usado por sites que simplesmente não querem transmitir sua autoridade. Nesse caso, você não recebe link juice, mas recebe tráfego daquele site, o que também vale a pena.

14 estratégias de Link Building para fortalecer sua autoridade

Então, quais são as principais estratégias de Link Building que você pode adotar para fortalecer a autoridade do seu site? Vamos a elas:

1. Crie conteúdos de valor

O primeiro passo para construir uma estratégia de Link Building é criar conteúdos de valor. A ideia é ter publicações que se transformem em “ativos linkáveis”, ou seja, conteúdos que são tão bons que recebem links naturalmente, sem qualquer esforço extra.

Além disso, nenhuma estratégia de divulgação e Link Building funciona se você não tem um conteúdo de qualidade para entregar aos visitantes.

Sabe aquele post de blog que traz todas as informações que o leitor precisa? Ou aquele infográfico que explica um assunto de uma forma super clara? Ou ainda um quiz que é super divertido de responder?

Quando falamos de ativos linkáveis, estamos falando de conteúdos como esses. São materiais ricos, interativos, guias completos, dados de pesquisas que você realizou, posts pilares de um blog ou qualquer tipo de conteúdo que agregue valor à vida das pessoas.

2. Amplie o alcance dos seus conteúdos

Backlinks podem surgir naturalmente quando você produz conteúdos de valor. Mas não fique apenas esperando por eles: quanto mais pessoas os seus conteúdos alcançarem, mais chances eles têm de receber links.

Então, trace uma estratégia de promoção de conteúdo que leve seus posts para mais pessoas. Você pode:

  • Divulgar links nos seus próprios perfis nas redes sociais;
  • Inserir botões de compartilhamento nos posts;
  • Divulgar conteúdos com email marketing;
  • Publicar conteúdos novos na página inicial do site;
  • Investir em anúncios segmentados e remarketing.

Dessa forma, seu conteúdo se espalha pela web e tem mais chances de receber backlinks.

3. Monitore os assuntos em alta

Se você quer que os seus conteúdos se espalhem, uma boa dica é publicar sobre assuntos que estão em alta no seu mercado. Participe das conversas, aprofunde as informações, dê sua opinião. As pessoas gostam de falar e compartilhar conteúdos sobre o que está bombando.

Para isso, monitore o que está sendo comentado. Acompanhe as notícias do seu mercado, as conversas nas redes sociais e as tendências do Google Trends.

Isso não quer dizer que você deve deixar de lado os conteúdos antigos e evergreen, ok? Quando são atualizados e têm valor para o leitor, eles também têm alto potencial de compartilhamento, como vimos antes.

4. Tenha uma estratégia de links internos

Link Building não é feito apenas de links externos para o seu site. Provavelmente eles têm um peso maior para o Google, porque o buscador sabe que é mais difícil conquistá-los. Mas os links internos também ajudam, ao mostrar ao Google a hierarquia do seu site e as páginas mais importantes.

Portanto, você precisa identificar quais são elas e definir como a linkagem interna pode fortalecer sua autoridade. Uma forma de fazer isso é adotar a estratégia de topic clusters, que cria uma teia de links sobre determinado assunto dentro do seu blog.

https://youtu.be/xOGxyw9DSa8

A estratégia consiste em criar conteúdos pilares — posts super completos e abrangentes sobre algum tema — que vão receber links de conteúdos mais específicos e minuciosos dentro daquele assunto, bem como direcionar links para eles.

Dessa forma, o post pilar ganha autoridade, por receber links de diversos conteúdos, mas também transmite seu link juice para os posts mais específicos. E o site como um todo se fortalece para aquele tópico.

Na hora de inserir links internos nos posts, lembre-se dos critérios de avaliação de links do Google que já mostramos. Use textos-âncora coerentes, posicione os links em lugares nobres do conteúdo e insira os links naturalmente no contexto da página. Geralmente, os posts específicos têm um link para o post pilar já no primeiro parágrafo do conteúdo, por exemplo.

5. Faça guest posting

Guest posting é uma das estratégias mais citadas quando se fala de Link Building. Trata-se da publicação de posts como convidado em um blog parceiro, o que muitas vezes acontece como uma troca. Esses posts incluem backlinks para o blog de origem, que ganha tráfego e link juice do blog parceiro.

Muitos profissionais acreditam que guest posts perderam força no SEO, porque foram usados de maneira equivocada, apenas com o intuito de ganhar links e mais links, sem pensar na experiência do usuário.

Porém, o guest post funciona muito bem quando entrega valor para o leitor. É preciso criar um conteúdo alinhado aos interesses do público do blog, com links contextuais, inseridos de maneira natural e relevante no texto. É por isso também que cada guest post deve ser único — não dá para replicar o mesmo conteúdo em vários blogs, ok?

Também é importante encontrar parceiros estratégicos para o guest posting. Além de ter o perfil de público-alvo que você quer atrair, o blog parceiro também deve ter qualidade, autoridade e confiabilidade para transmitir um bom link juice às suas páginas.

Uma boa dica para isso é verificar o Domain Authority dos seus potenciais parceiros. O DA é um indicador usado pela Moz que mede a força de classificação de um site nos resultados do Google. Quanto maior a pontuação, maior é a autoridade do domínio. Você pode testar o DA com um cadastro gratuito na Moz ou utilizar a extensão MozBar no Google Chrome.

Overview da plataforma da Moz, que mostra indicadores como o Domain Authority

6. Faça parcerias de co-marketing

Co-marketing também é uma estratégia de parceria. Duas ou mais marcas produzem um conteúdo, um material, um produto ou uma oferta em conjunto e divulgam em seus canais. A intenção é gerar links para ambos os sites, além de ampliar a visibilidade, atrair o público da marca parceira e associar sua imagem a ela.

Para isso, não dá para produzir um conteúdo qualquer só para gerar links, ok? É preciso criar um produto que seja altamente relevante para o público de ambas as marcas. Pode ser um ebook completo, uma ferramenta, um infográfico, um webinar, entre outras diversas possibilidades.

Para fazer parcerias de co-marketing, valem as mesmas recomendações do guest posting: encontre parceiros que tenham o público-alvo que você deseja atrair, uma boa reputação no mercado e autoridade no rankeamento do Google.

7. Solicite links para as menções à sua marca

Talvez a sua marca já esteja sendo citada pela internet, em artigos de blogs e notícias na mídia, por exemplo. Você já fez essa verificação? Experimente procurar pelo nome da marca no Google ou configurar notificações no Google Alertas para saber toda vez que alguém fizer uma menção.

Menções sem links já são importantes para SEO, porque o Google consegue identificar que a sua marca realmente existe e tem algum nível de popularidade. Mas os links são ainda mais poderosos, porque transmitem autoridade de uma página para outra.

Então, menções sem link são uma oportunidade valiosa para ganhar backlinks. Você pode entrar em contato com o administrador do site e sugerir que inclua um link para o seu site na menção à marca. Isso é vantajoso para a sua estratégia de Link Building, mas também para os leitores do site, que podem acessar o seu site com mais facilidade.

8. Faça assessoria de imprensa

Sites de veículos de comunicação costumam ter bastante autoridade junto ao Google. Eles são bastante acessados, são reconhecidos pelo público e oferecem notícias e informações confiáveis, por isso ganham muitos pontos com o Google.

Então, ganhar backlinks de sites como esses tende a dar um grande impulso para a autoridade do seu site. Porém, é claro que isso não é tão fácil assim…

Uma boa dica para ganhar backlinks de veículos de mídia é fazer assessoria de imprensa. Você pode enviar um press release a jornalistas para informar sobre novidades relevantes da sua empresa, como o lançamento de um produto inovador, o patrocínio de um grande evento ou a contratação de um profissional.

Dessa forma, você amplia o alcance e o conhecimento sobre a sua marca, ao mesmo tempo que fortalece o seu site.

Terra, UOL e G1 são exemplos de grandes sites de imprensa. Mas também existem sites de notícias focados em nichos de mercado, como na publicidade ou no agronegócio. Você também pode contatar influenciadores do seu mercado, que amplifiquem a sua mensagem.

Uma agência de link building pode ser uma excelente opção, pois irá economizar o seu tempo e fazer um trabalho melhor já que essas agências são especialistas na construção de backlinks. Mas, cuidado com agências ruim que constroem backlinks vindo de sites sem autoridade porque isso pode ser péssimo para o seu site. Contratar uma boa agência de link building fará toda a diferença.

9. Crie posts de curadoria de links

Um post de curadoria de links, que também pode ser chamado de Link Roundup, reúne uma lista de URLs e conteúdos selecionados pelo autor sobre determinado assunto.

Um blog sobre design, por exemplo, pode criar uma lista com links para os melhores trabalhos publicados no dia ou no mês. A seção de Daily Design Inspiration do site Abduzeedo é um bom exemplo, com inspirações diárias de trabalhos de design do mundo inteiro.

Daily Design Inspiration, seção do site Abduzeedo que é um exemplo de Link Roundup

Para os leitores, esse tipo de post é uma forma de diversificar os conteúdos do blog e trazer inspirações de outros sites. Para o Link Building, o Link Roundup pode estimular que os sites citados no seu artigo compartilhem o post em seus canais e gerem backlinks para ele.

Outra forma de aproveitar esse formato é entrar em contato com sites que costumam fazer posts com curadoria de links e sugerir seus conteúdos para a lista.

10. Entre em contato com blogs e sites que você citou

Se você citou marcas, blogs e sites em seus conteúdos, por que não entrar em contato com eles para informar sobre isso? Eles podem se sentir lisonjeados com a publicação e compartilhar o post em seus canais — e, assim, criar mais backlinks para o seu site.

Isso pode acontecer em posts de curadoria de links, como mostramos antes, mas também em qualquer artigo que cite uma marca.

Digamos que você tenha escrito um artigo sobre arquitetura e citou um arquiteto da sua cidade como referência, ou explicou um conceito de tecnologia e citou uma empresa que é autoridade no assunto. Então, entre em contato com essas marcas. É mais uma oportunidade de Link Building para você aproveitar.

11. Faça Link Building de links quebrados

Broken Link Building é a estratégia de ganhar backlinks e aumentar a autoridade do seu site por meio de links quebrados na web. Vamos explicar melhor para você entender.

Links quebrados são páginas que deixaram de existir na web, seja porque o site saiu do ar, mudou sua estrutura de URLs ou simplesmente porque o conteúdo foi deletado. Quando o usuário clica em um link quebrado, ele se frustra, porque não encontra o que gostaria.

Então, o que você pode fazer é procurar, no seu mercado de atuação, páginas que direcionam para links quebrados. Depois, você pode sugerir ao administrador do site que substitua esse link por um conteúdo atualizado e de qualidade do seu blog.

Dessa forma, você ganha o tráfego e a autoridade que estavam sendo perdidos. Além disso, você oferece uma melhor experiência ao visitante daquele site: ao encontrar um conteúdo de valor no seu blog, ele fica satisfeito.

Broken Link Building é uma estratégia um pouco mais complexa. Exige um processo de prospecção de links quebrados e contato com os sites que direcionam para eles, além da produção de conteúdos relevantes como substitutos. Neste artigo da Ahrefs, você encontra um passo a passo para executar essa estratégia.

12. Nutra relacionamentos com o mercado

Já citamos algumas estratégias que exigem que você entre em contato com marcas e profissionais do mercado, não é? Muitas vezes, essa abordagem pode parecer agressiva, voltada apenas para os interesses do seu próprio site.

Por isso, é interessante nutrir relacionamentos com o mercado antes de fazer qualquer contato para ganhar backlinks. Procure interagir nas publicações e redes sociais de marcas, personalidades e influenciadores do seu nicho. Comente de maneira amigável, contribua com a sua experiência, sem qualquer interesse por trás.

Dessa maneira, você cria um relacionamento positivo com o mercado. Quando você precisar de um “favor”, as pessoas vão se sentir estimuladas a ajudar.

13. Monitore os resultados do Link Building

É importante também ficar de olho nos resultados do Link Building. Afinal, você precisa saber o que funcionou ou não para melhorar nas próximas estratégias.

Para isso, utilize o Google Analytics e ferramentas de análise de backlinks, como Link Explorer da Moz, Ahrefs ou Majestic. Algumas delas oferecem versões ou funcionalidades gratuitas.

Monitore quantos links você está ganhando ou perdendo e com quais sites isso está acontecendo. É preciso fazer uma análise quantitativa dos backlinks, mas também qualitativa, para saber se as suas fontes são de qualidade.

Nessa análise, é importante notar a velocidade de crescimento dos backlinks, já que o ganho excessivo em pouco tempo pode ser interpretado pelo Google como spam.

Além disso, os relatórios podem mostrar backlinks de sites suspeitos. Eles devem ser eliminados do seu perfil de backlinks, porque podem prejudicar sua reputação. O Google tem uma ferramenta específica para rejeitar links.

14. Faça uma análise dos concorrentes

Não tenha receio de aprender com os seus concorrentes. Eles podem ajudar você a cortar caminhos no Link Building, sabia?

As mesmas ferramentas de análise de backlinks que citamos antes podem ser usadas também para verificar o site dos concorrentes.

Então, analise a quantidade e o perfil dos backlinks, bem como os sites que citam seus concorrentes, que também representam oportunidades para você. Entre em contato com esses sites para fazer parcerias e sugerir seus conteúdos. Analise também quais conteúdos recebem mais backlinks e o que eles podem ensinar a você.

Enfim, agora você já conhece as principais estratégias de Link Building para fortalecer seu site no ranking do Google. Lembre-se de que a construção de uma rede qualificada de links para o seu site pode ser um diferencial competitivo. Dá trabalho, requer planejamento, organização e processos, mas a recompensa vem no aumento do tráfego e das conversões.

Agora, aproveite para ler também sobre a importância do Marketing de Conteúdo e como qualificar a sua produção.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Proddigital Market